5 de outubro de 2011

Tô viva!


Oi minha gente!

Eu dei uma desaparecida básica, eu sei, eu sei.
Devo confessar que estava mesmo sem vontade de postar, pensando muito na vida, mas mesmas divagações de sempre.
Mas vamos deixar de cheiro mole e vir aqui contar as novas, né?

Sobre o tratamento “Achilliano” (by Maridón, do último post):

Está caminhando bem, tenho seguido a maioria das orientações dele. Emagreci um pouco, mas pouco mesmo ainda. As coisas andam bem difíceis, por mais que eu me esforce. Caminhamos à noite alguns dias, e até corri um pouquinho.

Neste meio tempo eu descobri que minha tiróide não estava totalmente controlada. Não sei se vocês se lembram, eu tenho hipotiroidismo, desde os 7 anos. Eu tomo remédio desde sempre, e tava achando que tava tudo bem, mas um exame me provou que não, mas agora as coisas já foram alinhadas para que tudo volte ao normal.

Sobre uma novidade que eu disse que tava rolando:
Num desses sites de compra, comprei sessões de lipocavitação e mais um monte de coisa, e fiz na região da barriga e flancos. A lipocavitação (ou ultracavitação) é uma ultrassom que quebra suas células de gordura. Não emagrece, mas reduz medidas. Ainda tinha drenagem linfática (pra botar essa gordura toda pra fora), uma manta quente com um creme redutor, e a tal da corrente russa, que é uma vibração no músculo, que fiz no final. O resultado disso foi um total de 11cm a menos, medidos em 3 circunferências diferentes (não perdi 11cm em cada circunferência não, viu gente, foi o total!!). Dá pra ver a diferença desde a primeira sessão. Na segunda foi quando perdi mais. Recomenda-se o uso de uma cinta durante o tratamento e a ingestão de muita água, pra colocar a gordura pra fora. Senti minhas calças mais folgadas, sim, não fez diferença só na fita métrica da esteticista não!

Sobre uma novidade um tanto quanto temerosa:
Minha dermatologista me liberou da dieta sem glúten por um mês, porque ela acha que meu organismo pode estar retrocedendo na intolerância ao glúten. Ela liberou que eu comesse a porção de 1 pão francês por dia.
E O MEDO????? TODO DIA? É porque não é na pele dela, né??? (eu disse isso pra ela, rsrsrs!)
Isso foi numa segunda à noite. Na terça-feira, eu fui comemorar no Burguer King. Eu adoro o sanduíche de lá. Durante o resto da semana, eu só comi pedacinhos minúsculos (minúsculos mesmo) de um doce que minha avó faz com biscoito maisena, chamado adisabeba (que não é pavê, nem nada feito com biscoito maisena que vocês possam imaginar. É uma massaroca com ele, nescau, margarina e rum. Vai pra geladeira, depois come aos pedacinhos. Bom demais!!!!). Na outra terça eu jantei na Subway. Adoro muito muito mesmo. Depois disso, neste último sábado, eu comi uma coxinha de galinha, coisa que também amo muito. Hoje, também comi uma coisa que é minha paixão: pastel de feira.
E a pele? Nasceu uma feridinha, até agora, mas a médica disse que isso ainda não é parâmetro. Mas temos que dar um tempo, que esperar pra ver o que acontece. E vou dizer, se tiver que ser assim, só de vez em quando, tá bom demais!

E aí é isso. Hoje eu estou tentando contratar aquele serviço de saladas que já contratei algumas vezes e já postei aqui no blog. Vou contratar o serviço de um mês, desta vez. Passar um mês almoçando salada todo dia! O site dele tá fora do ar, mandei um e-mail, vamos ver. Espero que o serviço ainda funcione (e que aceite meu VR)!

Bom, as novidades são essas!
E vocês, como tão?

Bjo!


15 de setembro de 2011

Pegando pela mão...


Hoje, pela enésima vez, eu e Achilles* conversamos sobre o meu processo de emagrecimento. E, embora essas conversas sejam um tanto dolorosas, hoje ele me disse uma coisa que eu gostei muito de ouvir.

“Esse negócio de deixar você se governar não tá dando certo.”

Assim, seco, pode parecer feio e até grosseiro. Mas não foi, nem de longe. Saiu do meio de uma conversa cheia de risinhos, lágrimas e muito amor.
E fiquei até a hora do almoço esperando pelos planos dele.
Ainda não sei ao certo, ele me contou pouca coisa. Na verdade, ele estabeleceu algumas regrinhas, que me dispus a seguir firmemente. As que ele me falou:

Sobre alimentação

- “Na hora do almoço, no restaurante à quilo, você tem que fazer um prato menor do que o meu, ou seja, entre 300/350g.” A falta de noção de peso foi tão grande, que comi 286 gramas. Com salada, arroz com lentilha e um gratinado de carne seca maravilhoso.

- Fomos para uma lojinha de produtos naturais para comprarmos lanchinhos pra mim (manhã e tarde). Além de comprar os lanches, ele estabeleceu a forma que eu vou comê-los:
  • Compramos um pacotinho de 25g de salgadinho de soja assado (95 calorias). Este eu vou comer metade por lanche, acompanhado de um copo (200ml) de suco (com adoçante).
  • Compramos cookies pequenos de baunilha com chocolate. Esses posso comer 3 unidades por lanche.
  • Barrinhas de flocos de arroz caramelado, que posso comer uma barra por dia, sendo metade por lanche.
Claro, quando eu trouxer lanche de casa, fruta ou iogurte, não como nada disso. E os lanches ficarão no trabalho.

- Às vezes ele faz mousse de maracujá de sobremesa pra ficar trazendo pro trabalho. Ele falou preu me servir a metade que sirvo pra ele. O que vai dar 2 colheres de sopa pra mim. O que é bom, né, só pra botar um gostinho doce na boca depois do almoço, pq eu preciiiiiso de sobremesa.

- “Divida seu jantar normal pela metade. Coma metade antes de ir pra faculdade, e a outra metade na volta.”

- “Quando tiver fome, fora dos esquemas combinados, me ligue.” Acho que vamos resolver juntos o quê e quanto vou comer.

Sobre exercícios

- “Sempre que você estiver em casa, antes de ir para a faculdade, saia com o cachorro e dê 2 voltas na praça. E volte pelo caminho que tem a ladeira maior” (pra chegar na minha casa tem que subir, subir, subir...). “Nada de Brogodó” (oh, céus!). E, se eu não for, terei penalidades, rs, que ele não me disse quais serão. Mas também terei benefícios, cumprindo as tarefas.

- “Hoje vou te pegar na faculdade, vou levar uma roupa pra você. Vamos caminhar.” Ainda não sei onde.

- Ele vai pegar um jogo emprestado de um amigo que há muito tá querendo jogar, e aí eu disse que ia costurar o fim de semana todo. “Não sei antes dar uma corridinha no Aterro”. “Nem que seja corridinha de 2 minutos e ande o resto do tempo”.

- Curves continua normal, 3x por semana.


Eu achei ótimo, confesso. Sozinha, eu não estou conseguindo. Ele achou uma forma de me ajudar sem ser chato. Me trazendo soluções ao invés de dizer “não coma”, enquanto ele come.
À frente devemos ter mais novidades, afinal, ele ainda não me disse tudo.

Beijinhos!






* Pra quem não sabe, Achilles é meu marido. A pessoa mais carinhosa e compreensiva do mundo.

 Nós, no aeroporto de Paris, indo para Londres

1 de setembro de 2011

Brincadeirinha!

Meninas,

Vi por aí esses dias uma pequena entrevista, para fazermos com nós mesmas, e colocar algumas coisas em ordem na cabeça.
Vejam as perguntas e minhas respostas...

# Quantos quilos você precisa perder para se sentir melhor?
A meta são 15, mas sair dos 70 (emagrecer uns 10 quilos) me fará me sentir melhor!

# Você subestima a capacidade de conquistar seus objetivos?
Muitas vezes. Sendo bem realista, e sem demagogias, eu não sou o tipo de pessoa persistente, tal, mas também não sou o tipo de pessoa que desiste fácil. Nunca desisti de emagrecer, embora a minha capacidade de conquistar esse objetivo mude constantemente, rs.

# O que te impede de emagrecer?
Vontade de comer e falta de vergonha da cara.

# Você consegue comprar roupa normalmente?
Só calça jeans que é foda. O número oficil é 46, a última que comprei me vestiu muito bem, mas é 48. No entanto, recentemente comprei uma vestido e uma blusa M!!!!

# Você é gorda de verdade ou só precisa perder alguns quilinhos?
Sou gorda de verdade, rs.

# Você usa calça jeans sem lycra?
Uso, mas a minha atual, a tal 48, é sem.

# Você troca de roupa mais de uma vez sempre que vai sair?
Normalmente não.

# Você frequenta praias e piscinas com frequência?
Sim. No problems com as minhas gordurinhas, neste sentido.

# Seu peso impede que você faça alguma coisa que gostaria?
Não sei... eu sou muito descarada e faço tudo que quero. Talvez me impeça de comprar roupas de forma mais fácil.

# O que você comeu de "purpurinado" hoje?
Chocolate.

# Como se sentiu depois?
Satisfeita, e com aquele gostinho delicioso na boca. Não sou de me sentir culpada...

# Você é feliz?
Muito! Por que faço o que gosto sem atrapalhar ninguém, e porque amo e sou amada por muita gente. Pra mim, isso é ser feliz. Ser feliz não tem nada haver com meu corpo.

# O que falta em sua vida?
Hoje, acho que um filho.

# Se você tivesse direito a três desejos, quais seriam ?

Terminar a faculdade, me mudar pra Paris e que a fome no mundo acabe. Porque não ter o que comer deve ser foda!

# Se você acordasse com o peso desejado, qual a primeira coisa que faria?
Censurado (rs)

# Como você acha que será sua vida quando estiver com o peso ideal?
Acredito que terei mais energia e disposição, me sentirei mais confiante (mais? afff, ninguém vai me segurar, rsrsrs) e mais gostosa (há).

# O que você está fazendo para que esse dia chegue logo?
Ajustando a alimentação e o retorno à malhação, e uma surpresinha que conto depois!


#bjomeliga

18 de agosto de 2011

4 de agosto de 2011

Action!!

Pois é!

A gente divaga, divaga, divaga, mas tem que emagrecer, né isso?
Então vamos lá.
Ontem eu subi na balança e vi que saí da casa dos 70... pra dos 80! De novo!
Mas não dei muita bola.
Aí veio minha amiga querida do coração, aquela da Operação Canjica, e disse que sexta ia começar tudo de novo, com a Dieta das Notas.
Aí me retei e disse que ia começar hoje!
E comecei!

E aí que agora pouco escrevi um e-mail pra ela, contando como tão as coisas hoje. Aí vai:

Diário de Uma Dieta - Dia 1

Hoje eu comecei o dia com o pé esquerdo, atrasadíssima pro Francês.Sorte que eu já tinha preparado um sanduíche ontem, foi só esquentar de manhã. Um sanduíche mal planejado, de pão, requeijão light e queijo prato, e com meio copo de suco de laranja me custou 154 notas (só escrevo "pontos").Pra quem tem a cota de 450 notas, tá foda, né?

Aí tive reunião a manhã inteira e não comi mais nada. O almoço foi tranquilo e saudável, levou 135 pontos notas.Mas a sobremesa, um brigadeiro, me levou 50 notas.

Sobram 111 pra tarde/noite. Tenho aqui um iogurte desnatado que me custará 22 notas.Acho que a solução será fazer sopa de legumes, que é barata (15 notas o prato). E saladinha de tomate com cebola, se o bicho pegar, e talvez ainda dê pra amarrar com alguma fruta.

O peso hoje de manhã, com a barriga cheia de cocô (rs), foi 79,5.Briguinha com a balança: primeiro deu 79,6. Aí resolvi subir de novo (achei que tava mais pesada), e deu 79,1. Achei desaforo e subi de novo (isso porque eu tava atrasada, viu?), e deu 79,5. Fiquei com esse, achei sensato. Risos. Peguei a tabela de notas, tirei todas as coisas que eu não como (porque não gosto, porque não é comum comer ou porque não posso comer), editei mil coisas, diminui a fonte, coloquei em 3 colunas e fiz caber em uma página só. E colei no fundo do meu caderninho onde anoto tudo.

É isso aí.
Vou tentar lembrar hoje de fazer o chá de gengibre com canela.

Beijinhos!






P.S.: Eu sou uma ingrata, né? Não tenho visitado ninguém... a vida tá muito atrapalhada, juro! Assim que possível boto tudo no eixo de novo!

26 de julho de 2011

Divagando...

Minha gente, voltei!

Estou de volta, depois de umas férias de pensar em emagrecer, em controlar alimentação, em malhar, nessas coisas.
E vou dizer? Engordei um pouco, uns 2kg (incluindo uma viagem a Salvador regada a comida, como sempre)
Mas vou dizer também: me fez bem. Me fez sair dessa "agonia", me fez relaxar, me fez comer sem precisar me preocupar com isso. 

É importante dizer: quando estou fora do controle não saio atacando qualquer coisa. Simplesmente como o que tenho vontade. E, devido à minha boa educação alimentar, (educação, aquela de casa, e não reeducação alimentar, que depende só de mim), eu como de tudo, gosto de tudo, sou louca por saladas, sopas, coisas saudáveis. 

Não sei quanto tempo durou essas "férias", talvez 3 ou 4 semanas. Mas me fez bem.

Estive pensando nos prazeres que sinto, o prazer de comer sem pensar em nada, e no prazer de me sentir "magra", "menor", "cabendo numa calça". Apesar de muita gente conseguir colocar na balança e escolher um deles, eu não sei se acerto fazer isso. Claro, é óbvio que me sentir magra é muito bom. Mas controlar a alimentação, pensando que uma hora vai valer a pena, é muito chato. Não sei colocar na balança.
Percebam: não estou escolhendo nada, não estou achando nada. Não tenho uma posição sobre isso. Tô só divagando.

Um amigo meu me fez uma pergunta interessante, que me fez pensar: quanto você engordou em 10 anos? Quanto você pesava há 10 anos atrás?
Há 10 anos atrás eu cambiava ("cambiava" é bom, rs) entre 75 e 76kg. Hoje, eu vario entre 77 e 78kg.
Nada mau... Nada mau? E o meio do caminho?
Fiquei entre os 75 e 76 por uns 4 anos. Comecei meu namoro com Achilles em 2006 e em 2008 eu estava com 79kg. Em 2009 eu cheguei a 72kg. Em 2010 eu cheguei a 82kg. Agora em 2011 eu voltei para 76, 77kg...
Com o perdão da palavra: que punheta!!!!

Isso que às vezes me enche o saco. Porque eu posso fazer um esforço e emagrecer 3kg em um mês. E, em apenas um dia, uma relaxada que seja, eu jogo 1/3 disso no lixo. Eu consigo engordar 1kg em um dia. Às vezes em uma festa.

O que eu quero pra mim? 
Um corpo legal, aceito pelas pessoas (porque vou dizer, o que me incomoda de verdade no meu corpo é tão duro que só sai na faca, que é o meu culote), entrar numa calça 44/46 (porque disso meu biotipo não sai, e na verdade pra mim é muito bom - hoje vario entre 46/48)? 
Ou eu quero paz de espírito, fazer o que me dá vontade?

Difícil, viu? Porque eu quero as duas coisas.
E manter as duas coisas só me faz manter o peso. 
Aliás, nisso, pelo visto, eu sou pós-graduada.

Importante lembrar também que a minha saúde está em dia, ok. Emagrecer, pra mim, não tem relação com isso.

É isso aí. O peso hoje, depois da viagem, deu 78,3kg, melhor do que eu imaginava, porque viajei mais pesada, comi bacalhoada, bobó e moqueca de camarão no fim de semana. E hoje, pela primeira vez, trouxe almoço pro estágio. Saladinha de tomate, cebola, milho verde, atum e azeitonas, com super molho de iogurte desnatado, sal, shoyu, pimenta, cominho, azeite e orégano. Acho que o molho tá mais gostoso que a salada, rs. E suquinho de manga pra acompanhar. E kiwi pro lanche.

Nos próximos dias e semanas, serão de mais controle do que os dias das "férias". Este é o momento.

Beijinhos!






P.S.: Mais tarde vou colocar neste post uma foto do meu fim de semana, pra vocês verem que a minha felicidade em absolutamente nada se relaciona com meu peso.

8 de julho de 2011

Vício

Tô viciada em Fanta!


Não quero chá, não quero café, não quero Coca-Cola. Viciei!

Bjim,






P.S.: Vocês sabiam que em outros países a Fanta Laranja tem outras concentrações de suco e com isso têm outras tonalidades de laranja? Na França tomei uma Fanta aguada que só, rs!

28 de junho de 2011

Passou!

Olá, muchachas!

O feriado passou, e fiquei quase ilesa.
Depois de 2 rodízios de comida japonesa e muita linguiça e salada de batata da Feira do Colono (comida alemã), engordei menos de 1kg e um parte disso já foi embora.

A saga pela nova atividade física continua. Entrou entre 3 opções:

Curves
Quem me conhece há um tempinho sabe que eu fiz 1 ano de Curves e me apaixonei, viraria garota propaganda fácil fácil. Achei aqui perto do trabalho, com um preço menor do que eu pensava, mas maior do que eu pago hoje na minha academia de bairro (normal, né?).

Hidroginástica
Tô pesquisando algumas coisas aqui no Centro, mas tô achando caro pro meu bolso (rs). Fora que ainda tenho que providenciar um maiô. Fora a logística de levar roupa e carregar toalha molhada o dia inteiro. Mas tô pensando em fazer alguns meses, um ou dois, e aí decidir se continuo ou não.

Caminhadas
Tô tentando convercer o marido a irmos andar todo dia de manhã no Largo do Estácio. Ele tá há mais de um ano sem atividades físicas e o corpo começa a sentir falta. Vejamos!

Pois é.

A alimentação tá indo, nem boa nem ruim.
Hora do lanche, fui!

Bjim!

24 de junho de 2011

Sumi!

Olá, meninas!

Tudo bem?
Sumi, né?

Seguinte: começou o estágio, a época de provas chegando, e minha rotina tá uma loucura.
Vim dar notícias rápidas então.

O peso não sai muito do lugar. Tá variando entre 75,9 e 77,1kg. Tecnicamente estou curtindo o feriadão em Petrópolis. Na prática estou no Rio agora, pois no meu estágio teve expediente. Achilles veio me trazer e volto pra lá direto daqui. Espero que o peso não varie muito, pois, pra quem já conhece tudo em Petrópolis, lá não tem muita coisa pra fazer, além de comer e comer pra espantar o frio, rs.
Ontem tava 14ºC.

Não tenho ido malhar há algumas semanas. Desde o início da Operação Canjica eu não tenho malhado direito. Tô muito afim de repensar a atividade física, estou muito de saco cheio da academia. Depois de pouco mais de um ano, perdi totalmente o tesão. Bati meu recorde. Como não tenho muitas opções em relação à horário/praticidade/bolso, tô pensando em voltar pra Curves. Semana que vem vou numa que tem aqui perto do trabalho pra ver quanto tá. Vejamos.

Infelizmente não fui no Encontro Light, que já soube que foi muito legal, como Jana e Beth já falaram em seus blogs. Eu desmarquei alguns compromissos só pra ir pro Encontro, mas acabei não indo pra lugar nenhum e ficando em casa mesmo. Me deu uma zica, uma falta de vontade de sair de casa. Respeitei o momento e fiquei por lá mesmo, achei melhor...

É isso aí, meninas. Semana que vem começam minhas provas, oficialmente. Acho que só conseguirei voltar quando estiver de férias mesmo.


Até lá!

Bjim!

11 de junho de 2011

Eu conheço Achilles há quase 10 anos. Na faculdade, em Salvador.
No 3º ano de nossa amizade, ficamos muito amigos, de fazer confissões e chorar amores mal sucedidos.
Eu me formei, e nos afastamos.
Graças ao MSN, voltamos a manter contato.
Marcamos um cinema.
Mas teve um show do guitarrista Carlos Santana, no Rio de Janeiro, e eu vim sem avisar pra ele.
Justo no fim de semana que marcamos o cinema.
Em baianês, dei um zig. Em carioquês, dei uma volta nele.

Mas ele não se incomodou.
E quando voltei marcamos outro cinema.
Íamos ver filme de terror, mas ficamos com Era do Gelo II.
O suspense veio no dia seguinte, mas aí tudo já havia acontecido.

E ficamos, e ficamos e ficamos.
E três semanas e nada.
As meninas no meu trabalho, fifizeiras que só, estavam nervosas. 
Vai virar namoro ou não vai?

E eis que eu mando um mensagem para o celular dele:
"Se você quiser eu vou te dar um amor desses de cinema."
Vanessa da Mata era moda no último, na época.
E rapidamente ele entra no MSN e diz: "eu quero."

Era época de movimento fraco no trabalho, e eu trabalhava perto da casa dele.
Até meu chefe, também já em cólicas com a situação, colaborou: "tá fraco hoje... se manda!"
E fui pra casa dele.
E vivemos felizes para sempre.

Mô, te amo!

Montagem feita no nosso 2º dia dos namorados...
Este é o 5º!!!


Beijinhos!


9 de junho de 2011

Um ano sem você...

Queridas!
Como estão?

Terça foi um dia importante. Fiz um ano sem glúten.

Foi um ano de agonia, de vontades, de crises histéricas, de choro...
Mas foi um ano de descobertas, de novas pessoas na minha vida, de descobertas culinárias, de adaptações, de aprendizagem.
Vou dizer: não é facil não.
Que eu me adaptei, me adaptei.
Mas se eu tivesse o poder de fazer as coisas voltarem a ser como eram antes, eu faria, sem sombra de dúvidas. Ter uma restrição alimentar, passar vontade é muuuuuuito ruim.
Mas não mata. É ruim, é um pé no saco, mas não mata.
E as coisas ficaram melhores.

Quando eu comecei, eu tomava um remédio barra-pesada, que já não tomo mais há algumas semanas. Foi mais de um ano tomando ele e fazendo hepatogramas bimestrais pra ver se o fígado tava levando tudo numa boa.
Outra coisa interessante é que já comi coisas contaminadas com glúten (que não são coisas de glúten, ou seja, feitas especialmente com ele, como massas e biscoitos) e a reação foi pontual ou não houve. Mas não é algo que eu faça o tempo todo, claro.

No mais é isso aí. Vou fazer uma comemoração com pizza de pão de queijo e jogar a dieta no lixo por uma noite, rs.

Ah! Importante lembrar: este fim de semana tem um Encontro da Blogosfera Light Carioca. Eba!!! Quanto tempo!!!


Beijinhos!


6 de junho de 2011

Saldo da Operação Canjica

Oioi!

Pra você que não lembra, a Operação Canjica começou em 30/04, realizada por mim e uma amiga de Salvador, fazendo a Dieta dos Pontos. A data fim foi na última sexta: 03/06. Vejamos o saldo:

30/04: 78,8kg
03/06: 76,2kg

Saldo Total da Operação Canjica: 2,6kg a menos!

Podia ter ido melhor, ou melhor, foi melhor, mas eu retrocedi um pouco.
Foi bom, mostrei pra mim mesma que consigo, como sempre.
Tive uma grande surpresa ao longo do processo, pois vi que consegui me manter mais na linha em casa do que na rua. Isso parece um tanto quanto óbvio, não é? 
Mas pra mim não, há pouco tempo atrás trabalhei em casa por 10 meses e engordei 10 quilos.
Mas dessa vez não, tive que ficar trabalhando em casa uns dias, e este foi o melhor período da Operação Canjica.
Meu melhor peso durante a operação foi 75,7kg, peso para o qual eu retornei esta segunda-feira :D.
Mas, para fins de registro, vale o peso da sexta, dia 03/06, né, não vamos "roubar" na brincadeira.

E porque eu estive tão sumida?
Aiai!
Porque eu arrumei um estágio!

Pois é! Atualizando quem não sabe da história, eu sou estudante de Engenharia Ambiental, apesar de ser formada e pós-graduada em turismo. E agora, dei o ponta-pé inicial para a minha nova carreira.
Mas ainda continuo com o antigo trabalho, que é part-time.

Muito feliz!

E última novidade: ontem, voltando do cinema, comprei 3 mudinhas de temperinhos para plantar lá em casa: hortelã, manjericão e salsinha. Olha que fofo:


Ficarão em cima da máquina de lavar mesmo, porque bate um sol indireto. Ela só é usada uma vez por semana mesmo... rs!

Bjim,

20 de maio de 2011

Operação Canjica + Selinho

 Oi queridas!

Hoje subiu na balança uma pessoa horrorosa: ainda gripada, tendo dormido uma noite péssima e meio descrente do que ia acontecer.
Mas aconteceu!
A balança marcou 75,7kg!!!
Joguei um 1kg pras cucuias e totalizo 3,1kg emagrecidos até agora na Operação Canjica!
Uhu!!!

Essa semana foi estranha... tive algumas compulsões... ontem mesmo fiquei com uma vontade louca de comer, e "enchi" a cara de banana.
Acho que ajudou bastante no emagrecimento eu ter tomado sopa a semana toda, à noite.
Eu adoro sopa, passei minha vida inteira tomando sopa no jantar. E aprendi a fazer sopinhas gostosas... essa semana teve sopa de legumes, sopa de abóbora e sopa de feijão. Nesse friozinho que tá aqui no Rio, caiu como uma luva.
Também tenho ingerido poucos carboidratos pesados. Não tenho feito pão, não tenho comido arroz no almoço. Teve a sopa de feijão, ok, mas foi um dia só.
Tenho abusado muito das frutas (fora o tomate com cebola, que isso vocês já tão cansadas de saber).
A malhação, super deixando a desejar.
Mas semana que vem tudo volta ao normal, porque eu volto a trabalhar no escritório, depois de fases conturbadas. Isso é bom porque já saio de casa com a roupa de malhar, na volta vou direto!
Vou também ter que contar com um esforço extra pra manter a alimentação no eixo, ao olhar um buffet de restaurante.
Mas vamos que vamos!

Mudando de assunto, aconteceu uma coisa inédita!
Recebi o mesmo selinho de pessoas diferentes!


Nem preciso dizer que amei, né?
As mocinhas que me indicaram foram a Mila, a Gláu e a Bru . Amei muito, viu meninas, de coração!!

Como todo selinho, ele tem regrinhas:

Agradecer a pessoa que te deu  o prêmio;
Escrever um post sobre isso;
Passá-lo a 12 blogs;
Inserir o link para esses blogs;
Enviar uma mensagem aos indicados para contrar-lhes.

Bom, como eu acho o número bem restritivo, queria dedicar esse selinho à todas as leitoras deste blog, em especial às que tem passado por aqui recentemente, e conhecido meu cantinho e minha luta. 
São vocês que dão vida ao meu blog, viu?

Beijinhos!

14 de maio de 2011

Ops!

Olá pessoas!

Ontem o Blogger deu tilt e não pude postar o meu peso.
Ainda bem, porque pude processar tudo que aconteceu.
Não, eu não emagreci.
Engordei, 100g.
Que, acho que foi pouco perto do descontrole nos eventos sociais da semana. Domingo foi ferrado e engordei muito, não sei o que aconteceu, porque comi bastante, mas achei que não o suficiente para engordar tanto em um dia (sim, eu me peso todo dia).
Mas no speed que eu tava eu queria ter emagrecido. Durante a semana eu me mantive tranquilinha nas notas, e foi o que ajudou a jogar esse peso extra fora e ter um saldo de apenas +100g.
Também veio o friozinho e a preguiça cruel que o acompanha e só malhei um dia na semana. Shame on me!

No mais é isso. Quer saber o que mais eu tenho feito? Clique aqui.

Bjim!

6 de maio de 2011

Bati meu recorde!

Meninas!

O esforço da primeira semana complicada valeu a pena!

Emagreci 2,2kg! Nunca emagreci tanto em uma semana! E saí do inferno astral, chamado Casa dos 77, e estou com 76,6kg.



Meu recorde anterior tinha sido 2kg na primeira semana do Vigilantes do Peso (2007), e 1,9kg quando retomei meu emagrecimento, ao chegar no Rio de Janeiro (2008).

Foi uma ralação, como eu disse no outro post, mas foi administrável.
Vivi à base de tomate, praticamente, e logo ele, que está caríssimo no mercado. Hunf ¬¬

Foi mais ou menos assim:
Sábado e domingo eu acabei não contando as notas, hei de confessar. Até sundae da McDonalds eu tomei. Esse negócio de começar dieta no fim de semana é complicado, rs...
Mesmo assim, no fim de semana eu consegui emagrecer 300g.
Mas na segunda eu peguei a dieta com gosto mesmo!
Malhei segunda, então podia comer 500 notas. Finalizei em 508, porque tive que tomar café com açúcar, não vi que meu adoçante tava no finzinho, erro corrigido na quarta, quando providenciei um novo.
Na terça eu não malhei, e fiquei em 420. Me pesei de manhã e já tinha conseguido mandar 1,1kg embora, quando fiz o post anterior.
Na quarta, que andei bastante, fiquei em 431.
E ontem, dia que malhei, terminei em 354, porque acabei não comendo quando voltei da faculdade. Achilles me ocupou até irmos dormir. Acho que é uma estratégia dele... será?

O que eu fiz:
- Malhei
- Reduzi bastante os carboidratos pesados, como pão, arroz, feijão, macarrão, batata, tentando comer uma ou duas vezes por dia.
- Comi tomate (rsrsrs)

O que eu não fiz:
- Beber a quantidade de água mais ou menos certa.
- O chá. Esqueci de comprar gengibre (aqui por perto não é tão fácil de achar).

É isso aí. O desafio agora, como sempre pra mim, é a segunda semana. Porque sim, eu costumo desandar na segunda semana. Mas tô tão animada com esses 2,2kg que foram embora, que acho que vai dar tudo certo semana que vem!!! Vou, sim, vou continuar este esforço, porque ele vale a pena!

Meninas, é isso aí. Acho que não preciso fazer ajustes à dieta. Estou ansiosa para saber quanto a minha amiga emagreceu. Na segunda ela não resistiu e se pesou, e já tinha mandado muito bem, -1,4kg! Mas ela só se pesa à noite, na academia!


Beijinhos!


3 de maio de 2011

Só um grito!

Minha geeeeeeeeeente!

Passei aqui rapidinho pra dizer que essa dieta das notas é uma ralação viu???
Affff!
Tenho que ficar meticulosamente contando tudo, tudo parece tão "caro"!!!!

Tô me valendo da célebre salada de tomate com cebola pra não surtar, porque ambos são zero notas! E temperada sem azeite, porque uma colher de sopa de azeite são 25 notas!


Mas tá valendo a pena. Eu, de ousada, me pesei hoje, e já emagreci 1,1kg. 
Vamos ver o que dará na sexta...

Beijinhos!

30 de abril de 2011

Operação Canjica

Meninas!

Começa hoje a Operação Canjica!
Minha amiga batizou com esse nome e eu amei! Pra ficar gostosa no São João!

Hoje eu comecei com tudo.
Olhaí meu café da manhã:


Suco de maracujá da fruta, adoçado com açúcar, infelizmente. Torradinhas de pão sem glúten - gosto delas assim, bem escurinhas. Um dedinho de requeijão light, e um mamão papaya beeeem pequeninho, é menor que a minha mão. E um pedaço dele tava estragado, então, não comi ele inteiro, tá? (cara de pau)
Calculei 130 notas. Acho muito, pra quem tem só 450. Agora me restam 320 notas para o resto do dia e tem uma festa de arromba hoje à noite, regada a bebidinhas deliciosas!

Vejamos!

Um montão de gente pediu a receita do chá de canela e gengibre.
Quem me deu a receita foi a Dani Moreno, daqui. Copiando e colando a receita do blog dela:

Não tem uma receita certinha, eu improvisei a minha, mas era mais ou menos assim:

Você vai precisar de 2 canecas de água, 1 pau de canela, 2 rodelas de gengibre e meio limão.
Ferva a água, coloque a canela e o gengibre, deixe descansar por uns minutinhos.
Esprema um pouco de limão na tua caneca e sirva.
No inverno, tome o chá bem quentinho; no verão, bata com pedras de gelo.

A Dani é categórica e adoça com açúcar. Eu opto por adoçante.

É isso aí, meninas! 
Convido vocês a começar o final de semana com calma, serenidade, preguicinha e saúde!

Beijinhos!





P.S.: Recomeço com 78,8kg. Buá!

26 de abril de 2011

Tô viva!

Meninas!

Tô viva sim!

Bom, vamos ao resumão e aos novos planos.
Eu fiquei todo esse tempo, até antes do feriadão, com uma variação aí dentro dos 77kg, meu inferno astral.
Apesar dessa linda semana que até no sábado malhei, não consegui malhar mais que 2 dias por semana (eu malho 3 dias).
E aí veio o feriadão. No dia de viajar eu me pesei, e tinha um lindo 77,0kg, cravadíssimo, na balança.
5 dias depois, com muito dendê e farra, engordei 1,8kg.
Cheguei ontem e já tô na ralação pra perder esse extra aí.

Uma super amiga de Salvador resolveu começar, a partir do próximo sábado, a dieta das notas, ou Dieta Nota 10. Vocês já devem ter ouvido falar.
E um processo parecido com Vigilantes do Peso. Tem que anotar tudinho que come e fazer contas. Só acho mais simples, quando vem um produto que não tem na lista: basta dividir a quantidade de calorias por 2.
Meu limite por dia são 450 notas, ou seja, 900 calorias.
Tenha medo, né?
Mas vou me jogar nessa parceria. Acho que tô precisando disso, de parceria no tempo e método.
Então o que vou fazer:

- Mercado (essa é a mais importante, rs, não tem lhufas no meu armário)
- Malhar 3x na semana, normalmente (nos dias que eu malhar tenho direito a mais 50 notas)
- Tomar chá de gengibre com canela
- Tentar lembrar de beber água
- Usar os restinhos de cremes redutores que tenho em casa

Sexta-feira é o dia da pesagem e medição.
Já desapeguei disso, aconteceu o que eu imaginava: com a balança em casa, me peso todos os dias.
Mas vou dizer? Já perdi o medo da balança, rs...

Mas e até lá, o que vou fazer? Sábado tá bem longe ainda!
Bom, hoje eu me comportei mais ou menos: almocei saladinha com bifinho grelhado, comi no prato de sobremesa. 
O problema é o que eu como enquanto faço a comida, rs...

Agora, lanchando uma lata de milho verde... er... não era pra comer toda, mas gordo, já sabe como é, né? Não tem freio, rsrsrs. Ainda não tô contando, mas lá teriam ido 64 notas.

Mas é sério, vou montar uns cardápios, já com a quantidade de notas, pra não fugir muito daquilo ali.
Combinei com a minha amiga que no sábado dia 7 vamos faremos uma avaliação de primeira semana e aí faremos ajustes no que precisar. 

Bom meninas, é isso. Tô animada!
Quem tá comigo? (à sua moda, claro!)